MAIS PÁGINAS BALEIAS!

sábado, 2 de julho de 2011

BALEIAS NA MARATONA DE SÃO PAULO - 2011. Por Ênio Akio Yuhara.


(N.do E.) Meus caros amigos.

No final de semana que alguns amigos e amigas Baleias encontravam-se em Santa Catarina para sentir o maior calor da história do Desafrio Urubici, vários amigos honravam o Manto Coral na Maratona de São Paulo. Cuidando dos amigos em S.Paulo estava Ênio Akio Yuhara que a cada dia demonstra um pouco mais porque é conhecido como "O que há de melhor no Mundo Baleias". Esse japa é F.P.C!! Eis o seu relato:

"Como é bom rever os amigos!!!

Quase seis meses se passaram para eu reencontrar a equipe. A Maratona de São Paulo foi a oportunidade para revê-los. 

Não corri a prova pois mantenho minha postura de não correr provas da Yescom, como também mantenho minha postura de não levar o Manto Coral para correr provas sem inscrição. Manto Coral e pipoca não combinam. Mas fiquei todo o final de semana da Maratona de São Paulo completamente à disposição dos amigos e amigas Baleias mantendo acesa em São Paulo a chama Baleias.

Devido a um problema de comunicação, não foi possível juntar toda turma para uma confraternização na véspera da prova. Mil desculpas!!!

No sábado só consegui encontrar o Tinil no local da entrega do kit. Ficamos lá até o começo da tarde aguardando a chegada de outros BALEIAS.

O tempo foi passando e a fome apertava, então resolvemos ir almoçar no ponto tradicional da equipe, a Cantina Nipolitana. Conversamos bastante e no final da tarde levei o nosso amigo até o hotel onde estava hospedado, pois ele precisava descansar um pouco, comprar suprimentos para a corrida e depois aguardar a chegada do Paulo Gustavo/ACORJA. 

Combinamos, então, o horário para levá-los até a largada. Como não ia participar da corrida, me prontifiquei a apoiar os nossos amigos BALEIAS. E, também, “trabalhar” como fotógrafo da equipe.
À noite Meire representava a Equipe Baleias no jantar do Desafio das 6 Maratonas Brasileiras. Pelo 3º ano consecutivo teremos Baleias no Desafio. A foto é de Borges, amigo desde a 1ª edição do Desafio, mas a moça que está ao lado de Meire é Graça, esposa de Tião Moreira, fotógrafo da Contra-Relógio.
Domingão, o céu claro já anunciava que a corrida seria difícil. Já no local da largada tiramos as primeiras fotos com a ponte estaiada como pano de fundo. Meire, Paulo Gustavo da Acorja, Tinil e Betinha de BH, famosa no mundo das corridas e com o coração Baleias do tamanho desse mesmo mundo. 
Eu e Tinil, o mais rápido Baleias. Estivemos juntos em 2010 nessa mesma prova.
A parceria Baleias Acorja que já havia acontecido e ainda tinha seus desdobramentos em Urubici, como relatado por Elis Carvalho, Júlio Cordeiro e Felipe Souto e também ocorria na MSP.

Paulo Gustavo é um fenômeno. Correu os 52 km’s do Desafrio Urubici no sábado, enfrentou a longa viagem de Urubici/SC até a capital paulistana para correr os 42 km’s da maratona no dia seguinte. Um feito impressionante!! Maria José, outra grande amiga Baleias, o acompanhou nessa empreitada de malucos.

Como o horário da largada já estava se aproximando e todos ainda tinham que fazer (como diz a Dani Kato em seu blog) “uma visita ao Wanderley Cardoso” deixei o grupo e fui a busca de outros BALEIAS.
Encontrei o Thiago e sua esposa Amanda, de BH, ele estreando na Bela Distância e com o Manto Coral, uma estreia de qualidade Baleias 9.000.
Tiago, Ivo Cantor e Marcelinho Calix se encontram sob as lentes de D. Marly Magnani.
Posicionado para fotografar a largada a corrida inicia com um tiro de canhão. A elite passa num ritmo impressionante. Observando a passada deles, parecem que flutuam
Em seguida vem a multidão de corredores. Tento encontrar algum BALEIA no meio daquele mar de gente. Encontro alguns e fotografo a passagem.
Vejo esse senhor e tenho certeza de que terá comemoração após a corrida.
 
Dani e Vinícius com o Manto Coral. A primeira prova dos amigos com o corpo fechado. Festa Baleias com o tênis do Vinícius. Daniela estreiante dos 25 km contou tudo dessa prova em seu blog Correndo e Encantando.  
 
Paulo Gustavo passa com Eduardo Almeida, amigo Baleias de Ribeirão Preto. O homem do café orgânico.
 
Tiago inteiro e feliz para percorrer os 42.195 metros da Maratona de São Paulo.
 
Ivo Cantor com o Manto Coral customizado. Foto de Borges.
 
O amigo Ivo passeia pela Maratona de São Paulo feliz e mostrando estar preparado para corridas sob o sol escaldante.Foto de Borges também.

Depois de alguns minutos, eu e a Amanda pegamos o carro e fomos até o parque do Ibirapuera – local da chegada – chegamos cedo, portanto, tínhamos bastante tempo. Por isso, enquanto ela foi fazer um tour pelo parque, eu procurei por um lugar próximo da linha de chegada a fim de fotografar os corredores. 
O calor aumentava cada vez mais, e isso, com certeza, iria afetar o desempenho dos atletas. Não deu outra. A vencedora da maratona cruza a linha de chegada extenuada, a marroquina Samira Raif, que mesmo assim estabeleceu novo recorde.
A vencedora demonstrou que concedeu à prova toda a sua energia.
Sueli a brasileira melhor colocada em 4º lugar.
E Marily dos Santos, que esteve no blog Baleias na Corrida da Ponte Rio Niterói, chega em 6º lugar.
O queniano vencer, David Kemboi, que não conseguiu bater o recorde de Vanderlei Cordeiro.
Nossos amigos BALEIAS vão chegando. O primeiro é Tinil, que mesmo com a dor no joelho fez um excelente tempo.
Registro a felicidade dele ao terminar a prova. Ele faz um sinal com a mão, a princípio entendi como mais uma maratona na casa das três horas, cravando a sua permanência no ranking “Júlio Cordeiro”, onde a permanência de Miguel Delgado é duramente criticada por outros corredores.

Aí ele grita: “30 maratonas!!!”

Ahhh!!! Mas ele se esqueceu que 3 em uma mão e 0 em outra, a posição dos números se invertem para quem está do outro lado...  Mas não tem problema, tudo tem solução!! Por isso peço aos leitores, por favor, que posicionem um espelho em frente à imagem da tela do computador e então o espírito da foto irá se revelar.

Parabéns Tinil pela trigésima maratona!!!
 
Depois de correr 42k sob um sol escaldante, nada como saborear o fruto da conquista embaixo de uma sombra.
 
Em seguida vem Betinha. Ela já vem comemorando a sua chegada e com o direito de ser filmada pela Globo, sob o olhar da repórter Maria Júlia Coutinho/SPTV.
Betinha até samba antes de precisar ser atendida pelo serviço médico.
Meire, superando a contusão, chega emocionada. Como ela mesmo disse: "até machucada sou sub-4"!
Tem estilo essa moça!
Não tenho dúvidas. O que a comove é a saudade do Bonitão Baleias nesse momento tão feliz! (N.do E.) Esse amor só não é maior do que o de Simon Bolívar por sua adorada Manuelita.
A corrida nos proporciona momentos impressionantes, coincidências felizes como a chegada de Marcelinho Cálix, Baleias de Belo Horizonte, com ...
Com Pri Ponce (6482), conjunto preto, do blog Corridas e Maratonas, grande amiga Baleias.
A alegria de Marclinho que também está com planos de ir a Assunção em agosto.
Chega Fábio Namiuti da Equipe 100 Juizo e também amigo Baleias.
A chegada do nosso acadêmico e imortal ABL, Ivo Cantor. 
E a felicidade de completar mais uma prova.
A sumida grande de Ivo não altera um milímetro do mútuo carinho e admiração Baleias. 
 
Tem a chegada da Dani e Vinicius – estreantes na equipe BALEIAS – devidamente paramentados com o manto coral e com direito a tênis combinando com o uniforme.
 
Ela que correu os 25K pela primeira vez e depois acompanhou o marido para cruzar a linha de chegada da maratona.
A Contra-Relógio, discretamente, acompanha com satisfação a alegria Baleias por mais uma conquista. Nosso amigo sabe da dificuldade de completar uma maratona.
A celebração da Acorja no blog Baleias. Flávio Maia, que integra o núcleo causídico da Acorja e é amigo Baleias desde o nascedouro da admiração Baleias/Acorja, cruza a linha de chegada da Maratona de São Paulo
 A alegria do amigo pernambucano levando a bandeira da Acorja para além da linha de chegada.
 O grande mestre Hideaki, também amigo Baleias.
Noutra coincidência, Joel Leitão, integrante do Quinto Constitucional Baleias, que também levou suas considerações sobre a prova para o blog Corredor Disciplinado, chega ao mesmo momento que Ricardo, amigo de Dani e Vinícius, da Equipe Canaletas de Curitiba.
O amigo Joel enfrentou logo em seguida grande programação em Belém do Pará. Graças a Deus deu tudo certo.
Paulo Gustavo, guerreiro da Acorja. 52 kms de montanha no sábado e maratona de São Paulo no domingo.
Pode ficar feliz, você merece.
Mesmo sob um sol escaldante, improvisamos um lanchinho pós-prova ao lado do parque. O lanche era composto por sanduíche de peito de peru defumado, paçoca, bananinha passa, suco de frutas e “gatorade espumante” (by JC).
(N. do E.) Noutro canto do parque do Ibirapuera Ivo Cantor já refeito do esforço passeava com a simpática D. Marly que também envergava o Manto Coral para nossa alegria e emoção. O apoio Baleias é para nós tão importante quanto o Manto Coral nas pistas. D. Marly, o Mundo Baleias te abraça e agradece o carinho.
E chega também nosso grande amigo Pinguim, o fotógrafo corredor que por um erro de avaliação tem mantido inerto o seu blog que é de ótima qualidade e que trás informações absolutamente relevantes para o mundo que corre. Volta para o blog, Pinguim!

Mas ainda tinha BALEIAS na pista, então, ficamos aguardando a chegada do Thiago.
Parabéns Thiago pela estréia na bela distância!!!

(N.do E.) Sobre o final de semana, a emoção da dupla estreia, com o Manto Coral e na Bela Distância, Tiago disse ao Blog Baeias:

´Foi tudo muito bem em SP, a logística toda lá é muito fácil dependendo de onde se fica hospedado.

Aquele japonês Enio simplesmente não existe!!! O cara ficou à disposição de todo mundo, buscava e levava o pessoal para o aeroporto, casa, largada, chegada etc!

Tbm levou uns 50 sanduiches de vários tipos, gatorade, suco, água, cerveja........Depois de todo mundo ter chegado ainda sobrou bastante coisa.

Correr com a camisa Baleias é - citando a nova amiga Dani Kato - ser celebridade.
Todo mundo grita e mexe, manda abraço pros outros Baleias, etc!
Muito legal.

Conhecemos também Ivo Cantor, dois outros baleias na largada que não vimos mais, Dani kato e o maridão Vinícius, Tinil Bolt, Paulo da Acorja, e alguns outros que não pude identificar porque sou novo na Equipe.

Que figura esse pessoal, todos muito animados. Gastamos um tempinho no buteco depois.

A corrida eu achei muito boa. O que pegou mais foi o sol, mas mesmo após minhas longas 5:40 acabei sem dor alguma, apenas um cansaço generalizado causado pelo sol e pela falta de sono nas duas noites anteriores.

Fora isso vinha muito bem até o km 35, depois, apesar de já vir bem devagar com medo da nova distância, meu ritmo caiu ainda mais por não conseguir comer mais.

Em relação à organização, achei tudo muito bom, tirando os 6k em que fiquei sem agua, justamente quando o bicho pegou no km 35 - 36...

Valeu demais pelo apoio, segue o abraço de vários amigos anonimos anexado ao meu.
O Pinguim deu o nome, também mandou um abraço para vc!!

Tiago Maciel, o mais novo Baleias Maratonista!`

 E aqui fechamos a participação BALEIAS na Maratona de São Paulo. 
 
Seguimos para um bar na Brigadeiro perto de onde Tinil e Paulo Gustavo estavam hospedados. Todos mereciam uma comemoração. A cor da mesa nos convidava.
 A turma toda que se juntou após a prova.

Foi uma pena não ter conseguido reunir todos os membros da equipe para uma comemoração. Nem antes e nem depois, mas tem sido assim desde o início dos tempos. Nunca, jamais, se conseguiu reunir todos e todas Baleais numa prova desse porte.

Parabéns a todos e todas BALEIAS que participaram o evento!!! Lembrem-se, se vierem a SP, contem comigo.

Abraço forte. Ênio Akio Yuhara."

(N.do E.) Amantíssimo Mundo Baleias.

Ter Baleias correndo no Desafrio em Urubici-SC e na Maratona de São Paulo, ambas as provas sob um sol escaldante, e perceber que todos os amigos e amigas estão cuidados, por Felipe e Marayse em Urubici e Ênio em São Paulo, é o sonho Baleias que subitamente se encaixa.

Como João Bosco, "obrigado gente!"

Eu amo essa Equipe!! E digo aqui. Quando eu não puder pisar mais na avenida, quando minhas pernas não puderem aguentar, levar meu corpo, junto com meu tênis, o meu anel de  Baleias entrego ao meu amigo Ênio que merece usar e sabe levar nosso Espírito de uma forma que muito emociona.

14 comentários:

GILMAR FARIAS disse...

Ênio,
Boa cobertura fotográfica da participação BALEIAS na Maratona de São Paulo.
Excelentes fotos das celebridades BALEIAS cruzando a linda de chegada.
Você vem para a Maurício de Nassau. Garanto a sua foto na chegada.
Um abraço!
Gilmar

elis disse...

olá, miguel,
ênio,
e muito amado universo Baleias!!!

parabéns!!!
pra todos!
pros que levaram nosso sagrado manto coral para tão nobres desafios!
e principalmente pros amigos e Baleias ênio, felipe e marayse, que nos ajudaram a conquistar nossos sonhos!

ser Baleias é energia, é alegria, é celebrar todos esses momentos especiais, ao lado de amigos!

miguel, ri muuuito com aquele comentário que você colocou logo abaixo da foto da nossa equipe kkkk
bastou a gente ir embora de urubici que nevou por lá kkkkkkkkk
somos mesmo pés quentes kkkkkkkkkk
tenho certeza que ano que vem vai fazer mais uma vez calor de deserto na prova mais fria do brasil kkkkkkkkkkkk

o relato do ênio tá Baleias demais! lindo demais!!!
delícia de ler!

bjs
http://elismc.blogspot.com

Ricardo Hoffmann disse...

Realmente, Ênio é o que há de melhor. Parabéns pelo excelente relato! E a todos os Baleias ali presentes, que beleza de festa! Que venha o RJ para nova celebração. Parabéns!

Joel dos Santos Leitão disse...

Olá, Universo BALEIAS!
Ou, talvez, República Popular de BALEIAS!!!
Parabéns pelo relato, Ênio!
Também achei que faltou um encontro de todos em Sampa, mas a culpa não é exclusividade sua. Por conta do resfriado que peguei no sábado que antecedeu a prova não fui capaz de mover uma palha para agrupar a galera. Fica aqui a mea culpa.
Como disse lá no blog, também lamento não ter tido tempo para dar a volta na chegada a encontrar todos vocês. Que pena! Enfim, de qualquer forma, BALEIAS se fez representar em Sampa e tudo deu certo.
Gente! E que frio é aquele que aconteceu apenas alguns dias após a prova de Urubici!? Não corro ali, não!!! brrrrrrr... Até nisso BALEIAS dá sorte!!
Abraços!
Joel

Fábio Namiuti disse...

Grande Ênio! Parabéns pela bela cobertura fotográfica da prova. Grato pela citação e imagem, bem como por ser mencionado como amigo dessa fantástica equipe Baleias. Pena que minha chegada não foi uma chegada propriamente dita, já que não terminei a prova, passei pelo pórtico só porque era o caminho mais curto (se não o único) para a retirada do kit. Mas tentarei novamente no Rio de Janeiro no próximo dia 17.

Abraço e até as próximas!

Fábio Namiuti

Meire/Baleias disse...

Ênio querido, obrigada pelo carinho na chegada, obrigada pelas fotos no final da prova.... Realmente a emoção tomou conta de mim,chorei...chorei...chorei... corri a prova com muitas dores e a panturilha reclamando. Uma pena não ter tido tempo para encontra-los e ter tirado a foto final para o blog. Fiquei por mais de 30min no posto médico esperando Betinha recuperar da hipotermia e das caimbras pelo corpo todo, logo que ela foi liberada tivemos que ir embora... Estava quase na hora de embarcar.... Mas tudo foi válido e agora que venha RJ a terceira do desafio... "Eu amo muito essa equipe" e ter amigos como você e maravilhoso. Valeu muitoooooooooooo

Bjks

Meire/Baleias - BH/MG

Jorge disse...

---------\\\\|/---------
--------(@@)-------
--ooO--(_)--Ooo--
Essa Equipe Baleias é show um dia corro por essa equipe...parabéns Enio pelo relato e pela prova, aliás parabéns a todos!!!

Bons treinos,

Jorge Ultramaratonista
www.jmaratona.com

Ivo Cantor corre e conta disse...

Estou envaidecido com o destaque recebido, através de palavras tão laudatórias e vários daguerreótipos. Para mim e Marly é imensa a satisfação de vestir a camiseta Baleias. Onde quer que eu vá, levo sempre comigo minha camiseta e minha mulher, com a camiseta dela. É sempre assim : "Omnia mea mecum porto." (do latim : tudo que é meu levo comigo). Ipso facto, idem ibidem, correndus encolhibus panças...
Foi uma alegria especial encontrar tantos Baleias reunidos. Começou com Joel, logo cedo, e não parou mais. Cumprimentos a todos os participantes. A gente se vê por aí...

Ivo Cantor corre e conta disse...

Parabéns ao Ênio pelo belo texto. Agradecemos a referência elogiosa. Cumprimentos ao Mundo Baleias.

DricaPeixoto disse...

Ênio, parabéns pela cobertura fotográfica, ficou show!!!!

Amigos Baleias, parabéns pelas conquistas e estréias!

Meire, cuide-se. Vc que é veloz demais, não pode correr sentindo dor! PArabéns pelo sub-4!!!!!
Bonitão da Meire, cuide ainda mais dela! :)

Dani disse...

Miguel e Ênio,

De fato pudemos comprovar o que Miguel sempre diz: "Ênio é o que há de melhor no Mundo Baleias". Esse japa é o que há de melhor da espécie...rs.

As fotos ficaram lindas e confesso que estava extremamente curiosa em ler esse relato e ver as fotos.

Muito obrigada por tudo. Vc foi sensacional, Ênio.

Bjos e abs,
Dani e Vini

Marildo Nascimento disse...

Amigo Miguel depois de muito tempo na vontade...seprepare para conhecer esse seu amigo aqui que estará na Volta da Pampulha de 2011com mulher e filho.
Já comprei passagens e reservei hotel (Formule 1) e estarei por aí no período de 2 a 4/12.
Um grande abraço
Marildo Nascimento
www.4corredores.com.br

elis disse...

oi, sábio CEO;)

passei aqui pra conferir aquelas novidades que você sempre coloca embaixo da foto da equipe rsssssss

será que felicidade mata?
acho que não... ou eu teria morrido no dia em que comecei a fazer parte dessa maravilhosa equipe;)

divirtam-se muuuuito no rio!
matem-me de inveja, já que de felicidade eu não morro! kkkkkkkkk

bjs

Dart Araújo disse...

Poxa Miguel, foi o ÊNIO mesmo que vi na Golden Four Asics... acho q ele estava no mesmo ônibus q a gente. Aliás estavamos desamparados na rua procurando o ônibus...kkkk
corredor sofre...

Abraço e bela postagem Ênio