MAIS PÁGINAS BALEIAS!

domingo, 2 de setembro de 2012

MIA - MARATONA INTERNACIONAL DE ASSUNÇÃO 2012 - JURAS BALEIAS DE AMOR ETERNO! ENQUANTO TIVERMOS FORÇA LÁ ESTAREMOS!

Meu amado Universo Baleias!

O coração Baleias arrebentou! Emoção em cima de emoção! Novos paradigmas estabelecidos e em linguagem náutica de minha amiga Elis Carvalho, o Baleião desencalhou!

Myrta Doldan se superou em nos proporcionar uma festa maravilhosa. O blog Baleias é pequeno para agradecer a Myrta, ao Marcelo, ao Renato e todo o Paraguay Marathon Club o carinho conosco. Baleias são superestrelas em Assunção e nós gostamos muito disso.

Superando o nepotismo na foto de abertura do relato, mais uma vez a história de uma maratona Baleias começa bem antes e essa também se superou pois saímos de casa na quinta-feira às 23.30 para pegar o voo às 06.30hs. Mais um sonho realizado que espero repetir na ida para Foz do Iguaçu.
A turma do voo às 06:00, Ismael Neto, Dani Alvarena, Carlos Magno e Elaine Pereira, passou no serviço do Wu para abraça-lo e pedir para não demorar. Ele somente encerraria sua jornada às 07:00 para embarcar às 10 hs.
No centro de Belo Horizonte, um restaurante 24 horas onde a alegria imperou e a emoção também. Lá tudo começou, mas o registro do início será sempre a Maratona de Assunção.
Deixando mais um livro do Projeto Baleias colocando a literatura para correr.
"O homem que fazia chover". A história de um advogado. Não percebemos quem o levou e o livro que iria deixar no aeroporto de Assunção no retorno, voltou na mochila. Não é a primeira vez que isso acontece, que esqueço de colocar o livro da volta.
Já em São Paulo a alegria de encontrar logo cedo com o Grande Japa, o sujeito que é uma Lenda na Equipe Baleias. Ênio Akio Yuhara, esse é nome.
E a surpresa das surpresas o encontro com Fabinho Pereira. Esse é Baleia histórico embora ande afastado do mundo das corridas. Fabinho é o responsável pela baleínha que é nossa marca. Foi por muitos anos o Diretor de arte Baleias.
    
No aeroporto, palco Baleias dos melhores, com muita alegria recebemos Wilma Maia, esposa do José Maia, na Equipe. Wilma estreiaria nos 10 kms em Assunção.
Já devidamente paramentada com o Manto Coral.
Wilma é uma simpatia e absolutamente integrada no JBS, o Jeito Baleias de Ser. Grande aquisição para o Mundo Baleias.
Mais um casal Baleias que deverá circular muito por aí para nossa alegria. Foz já está confirmado.
Aguardando o embarque e a presença de Wu e Zilda a família da outra mesa gostou da gente. Pronto, foto!
Premonição Baleias. Encontramos na sala de embarque com dois atletas brasileiros que iriam a Assunção correr a meia maratona pelo Campeonato Sul-Americano, Adriana, treinada por Heleno Fortes de BH e Flávio, atleta de Brasília. Falei: vamos tirar uma foto com essa dupla porque eles vão ganhar lá. A força Baleias estará com eles. E não deu outra.
Quem: Equipe Baleias. De onde para onde: do mundo para Assunção. Para que. correr a Maratona de Assunção! Quisemos tanto esse avião o ano passado!
Um dos ninhos Baleias preferidos. As poltronas de avião.
A felicidade do casal é contagiante.
Enquanto isso E-Zilda e Wald, que deveríam estar no avião conosco, enfrentavam uma viagem de van até Assunção porque o voo de Curitiba não pôde partir.
A van da dupla Baleias e seus companheiros de viagem.
E como onde tem Baleias tem festa, teve festa na van!
A sempre calorosa recepção de Myrta Doldan aos amigos Baleias.
Felicidade total, era o que nos esperava em Assunção para o final de semana.
Os amigos da van também chegaram um pouco depois.
A primeira, de muitas, visita à Feira da Maratona. Elaine Pereira recebe o número de avião, muito justo.
No mural de fotos das edições anteriores da prova um aperto no coração Baleias. Era para ele estar aqui.
O encontro com nosso amigo o ex-ministro dos esportes e atual diretor geral da Maratona de Assunção Paulo Reichardt.
No hotel o primeiro encontro dos muitos que viriam com os amigos e amigas Focas de São Paulo. Baleias e Focas uma parceria antiga e muito alegre.
No nosso esperado jantar da sexta-feira no melhor restaurante do mundo, o Bolsi, a beleza da música na voz do sensacional garçom. A emoção das tradições Baleias na Maratona de Assunção.
O desfile de belíssimos pratos. Nossa querida Myrta Doldan, uma mulher inigualável. Poderosa e terna, uma combinação apaixonante.
Tudo lindo.
Pratos preparados com delicadeza e atenção.
Baleias super chique.
De encantar os olhos e inspirar a boca.
Como falo descontroladamente nem tenho tempo para comer. Nem sei porque sou gordo, acho que é só "estômago alto".
O casal da van que chegou inteiro e animado. E-Zilda, claro, foi obrigada a exibir sua tatuagem Baleias por onde chegava. A deliciosa loucura Baleias.
A mais louca prova de amor já concedida ao Mundo Baleias. A Massa vai ao delírio quando vê!
A bela Elaine Pereira, de Juiz de Fora. Algo me diz que essa Baleia será figura constante no blog. O coração Baleias está bem derretido.
Tutta experimentando mais uma vez a farra Baleias. Berlim também te espera meu amigo. Não se apavore, os planos Baleias são sempre ousados.
Recorde na conta. Um milhão e oitocentos mil. Com a gorgeta ultrapassamos os Dois Milhões. Não é que Baleias gostem de pagar muito, Baleias ficam felizes por terem conseguido pagar.

Uma turma encerrou os trabalhos após o jantar. E os heróis da resistência foram atrás do Rock´n Roll.
Esse ano a noite foi de Blues.
E o Capitão Jack Sparrow apareceu de novo. Ele já havia estado conosco no Japão. Paulo Picanha e Helena foram com a gente mas se recolheram antes das fotos.
Na manhã do sábado a alegria de ver o meu Wu acessando o blog Baleias no saguão do hotel.
Myrta, mais uma vez arrebentando, proporcionou um desfile no centro de Assunção. Um carro Baleias abriu a festa.
As cores Baleias deram o tom da festa.
Assunção é Baleias.
Paraguaias em trajes típicos Baleias.
Um simpática festa paraguaia.
Depois, no hotel, Ênio Akio, na beira da piscina, tomando um vinho e lendo sobre a Two Oceans que tanto ama.
Meus amigos que me surrupiaram o coração por todo o sábado. Carlos Magno sem medo de morrer!
Na falta do meu amor fui de Tutta. Voltamos para a Feira da Maratona e lá uma foto com a futura vencedora Meia Maratona do Campeonato Sul-Americano.
Com os amigos que também venceriam a maratona no dia seguinte.
Quenianos da Fila e Queniano Baleias!
Baleias com Myrta e a atleta olímpica paraguaia que havia voltado de Londres.
Com Wanderlei da Casa do Corredor de Belo Horizonte um local onde os apreciadores das corridas têm tudo o que precisam e são tratados com atenção, carinho e amizade.
Rodando a cidade a procura do meu amor me deparei com mais uma homenagem de Myrta Doldan: uma rua batizada com a data do meu aniversário. Essa Myrta!!
Já de volta à feira da maratona o encontro com Walter de Juiz de Fora. Magro e mais veloz o amigo disse que irá à Comrades conosco.
A chegada de Marcelinho Cálix de BH na companhia de Camilo, à direita, que viria se a tornar Baleias. Completam a foto, entre outros amigos, Rodolfo Eichler, Myrta Doldan e Marcelo Barroso, da organização da prova.
Momento de superstar na Feira da Maratona. Atentem também para o detalhe das toalhas de mesa Baleias em outra deferência e carinho de nossa Myrta Doldan e seus amigos.
O espetáculo, a festa que encerra o jantar de massas da feira da maratona. Uma troca de energia internacional.
Meninas Baleias chamadas ao palco.
Baleias apreciando o show na companhia de Acorjas e Focas.
Lisa Bogado a ótima cantora paraguaia arrombou a festa esse ano.
Desceu do palco, se juntou ao Mundo Baleias...
... e levou conosco uma música do Alceu Valença que fez estremecer a la Estación Central del Ferrocarril Carlos Antonio Lopez!
Depois o momento de atenção ao solitário poeta que declamava sua poesia.
Emocionado com a atenção Baleias o poeta desenvolveu sua performance junto a nós.
De volta ao hotel para o encontro com Morfeu uma sessão de fotos Baleias no salão verde. O coração Baleias já restabelecido.
O banner mais amado dos últimos tempos!!
Casais...
...casais...
...e mais casais Baleias.
Bem vindos meus amigos a uma história de amor que se inicia.
E quebrando o clima o Baleia menudo querendo levar as placas.
A contagiante alegria Baleias que antecede as provas.
Café da manhã pré-prova. Mesa da elite Baleias. O primeiro da meia e o primeiro da maratona que não queriam se misturar.
Marcelo Barroso, amigo Baleias, desce para o café acessando o blog Baleias em seu novo brinquedinho adquirido em Assunção para ver mais uma vez a tatuagem de E-Zilda, que já havia visto ao vivo no jantar de sexta.
Felicidade ver essa baleiada nos momentos que antecedem nosso maior prazer.
E o momento de integração de Camilo de Paiva ao Bando Baleias. Nesse mesmo local, no ano passado, tivemos a alegria de celebrar a chegada de Sérgio Melo, o corredor feliz. A tradição Baleias em Assunção nos faz saber que seremos muito felizes com Camilo, como somos com Sérgio.
Felicidade mútua e Camilo já devidamente ornamentado com o Manto Coral.
Integração total. Camilo e Wilma os dois novos Baleias como amigos de antigamente. Desculpe Dani.
Mais Baleias e Focas!
 
 Ênio com suas irmãs gêmeas Focas univitelinas.
O Mundo Baleias ama os quenianos mesmo que sejam etíopes!
Esse é nosso amigo de anos  pretéritos. Na saída do hotel, Brasil, Etiópia e Paraguay. O Mundo Baleias.
 O bando toma conta da avenida. Frente...
...e o verso Baleias.
 Um bando de corredores infantís que não resiste a uma foto com o guarda!! 
E que invade a praça para a foto oficial Baleias em Assunção.
100% presente. Assunção faz coisas que não conseguimos em nenhuma outra parte do mundo.
Baleias de São Paulo.
Com os amigos e amigas Focas. A cara de celerado e alucinado do gordo da a medida de sua satisfação.
JURO!
Com Susy, nossa amiga paraguaia.
Com os amigos Paulos da Acorja, Picanha e Gustavo. Paulo Picanha é exemplo para todos nós. Exemplo de amizade e determinação. Sua gentileza, e de Helena, como o Mundo Baleias são marcas profundas em nosso coração.
 A foto Baleias com o ganhador do carro. Não ganhamos o carro mas tiramos uma foto com o ganhador. Para nós tá bom também.
 Baleias, na largada da Maratona de Assunção, auxiliando o GBS (Global Baleias System) a localizar satélites.
Dada a largada Carlos Magno dispara.... É dele a função de acompanhar Paulo Picanha na meia maratona.
Wilma com classe e elegância. José Maia em atitude firmemente repreendida interna corporis não a acampanhou nos seus primeiros 10 kms oficiais.
Neto e Dani. Neto está fazendo estágio nas meias para voltar às maratonas.
Não deu tempo de dar a mão para a foto.
Delícia de ver. Uma prova Baleias.
Um mar Baleias no Paraguai.
Paulo Picanha, a imagem de um vencedor.
Crianças Baleias se lambuzando de felicidade.
Toledo feliz da vida por levar o nome de Ouro Preto até o Paraguai.
Casais Baleias. Eu e Wu e Elaine e Zilda.
E-Zilda brilhando....
...e Tutta voando na meia para descansar da Bela Distânica. Aí Gilmar, olha a foto que o Japa fez!!
Wald Cizur feliz da vida.
Marcelinho, com quem divido o coração de Myrta.
Álvaro, o vegetariano, líder da Equipe Baleias na maratona.
Paulo Gustavo, o Paulinho Red Bull, da Acorja do Recife.
O meu Wu. Estou tendo problema com ele por causa dos últimos acontecimentos. Não está aceitando. Eu digo que já era hora de reconstruir minha vida, mas o tenho sentido um pouco egoísta. Não está concordando em me dividir.  
Km 23, a animação dessas meninas era uma energia a mais.
Já no retorno da maratona.
Elegância ao correr.
Walter muito rápido. Tá treinando escondido.
O amigo Foca.
O Japa e a Confederação Sul-Americana de Futebol.
Eu e Wu já corremos maratonas nessas três bandeiras que aparecem ao fundo. Obrigado pela oportunidade de contar.
Elaine chegando. Uma simpatia essa moça posso atestar.
Zilda Xavier, a 1ª dama Baleias, que fez uma corrida cerebral, com efetivo controle da jornada. Deixou para trás as crianças Ismael Neto e Dani Alvarenga. Carlos Magno nem se fala. Parabéns Zilda. Foz do Iguaçu te espera no revezamento com Elaine Pereira. Aí Wu, vamos continuar andando juntos.
Paulo Picanha, o retorno! Um verdadeiro Highlander!
Carlos Magno da Silva Guerra, um verdadeiro guerreiro. Tem agora pela frente uma carreira de quebra de recordes pessoais pois não há no mundo quem mais possa baixar o seu tempo do que ele. Já falou sobre se preparar para fazer a maratona em Berlim. Faz 5 anos que aguardamos um posicionamento firme desse amigo que é dos melhores que temos.
Grande Wu. Nada dá errado para esse cara.
Tutta e o pódio. Segundo o site da prova Tutta foi o segundo em sua categoria. Parabéns caro amigo. Estaremos juntos em Assunção no ano que vem.
E-Zilda fazendo história no Mundo Baleias. Por onde passa o mundo se curva e se encanta. Muito divertida essa nossa Baleia que divide sua vida entre o laranja e o rosa. Estaremos em Foz também.
Os campeões Baleias.
A gentil turma de amigos aguardando os retardatários Baleias, eu e o Japa que me esperou para voltarmos juntos. É isso, a base do mundo Baleias está alicerçada em quilômetros e amor. 
O tradicional cumprimento Baleias na chegada da Maratona de Assunção. A gente vê de longe essa turma laranja.
Muchas gracias Paraguay! Novamente Baleias em frente e...
...verso. O côncavo e o convexo Baleias vivido com muita intensidade nesse belíssimo final de semana.

Já estava me esquecendo de comentar sobre a prova em si. A festa é tanta que me esqueço às vezes que somos uma equipe de corrida de rua, tem hora que acho que somos um buffet de eventos ou uma empresa de cerimonial.

Ver aquele mar de camisas cuja cor foi escolhida por Myrta para nos homenagear fazia de tudo menor, mas tudo, mesmo assim, foi maior. 

O clima esse ano esteve perfeito para correr. Frio na medida. A prova teve sua largada no horário e o percurso foi ligeiramente mudado ficando um período maior no centro de Assunção e seguindo em direção ao aeroporto, mas voltando em frente à imponente sede da Comembol. No ano passado voltávamos na rotatória do aeroporto. Ficou melhor, mesmo que tenha sido adicionada uma subida.

O abastecimento foi perfeito. Água e isotônico com regularidade e fartura. Sempre em copos abertos como é na maioria do mundo. Acho que copo fechado só tem no Brasil. A outra opção que vemos pelas corridas é água em saquinho e é muito boa. Gosto porque dá para carregar na boa. 

O isotônico tinha a opção de se pegar uma garrafa, o que é bom. Não gosto quando tem só garrafa porque causa muito desperdicio.

Tinha banheiro por todo o percurso. 

Tivemos Baleias em todas provas. Essa é uma outra mágica de Assunção. Dá para todos os amigos correrem alguma coisa e você pode estabelecer a meta de no outro ano correr a prova seguinte.

Foi a 39ª maratona minha e do Wu. Foz será nossa última maratona do ano. Como já fizemos nossa incrição na Comrades nos manteremos em atividade na longa distância o resto do ano. No ano que vem vou atrás do sub 4 hs para apagar a mácula que deixo no Ranking do Júlio Cordeiro e largar em melhor posição na Comrades no Projeto Back to Back.
Encerrada a prova, entre mortos e feridos salvaram se todas as Baleias! No detalhe à esquerda da foto o poeta da feira da maratona já se juntava a nós.
Com o frio desse ano nossa Esquina Baleias pós Maratona foi transferida para dentro do hotel. E o poeta foi conosco para  declamar suas poesias. O show Baleias continuava.
Esse é um cartão Baleias. O exagero é a nossa cara.
Performático e orador compulsivo encenou seus atos para o delírio Baleias. Entre um número e outro concedia alguns minutos para a algazarra Baleias.
Meninas Baleias celebrando nosso amigo de João Correia de Porto Alegre, vencedor da Maratona.
Baleias com os vencedores da prova do Campeonato Sul-Americano de Meia Maratona.
E enfim chegamos no melhor local de Assunção: a casa de Myrta Doldan, privilégio Baleias que muito nos honra e orgulha. Fomos apresentados à geladeira Baleias. Exagerada como nós.
Lindo demais minhas crianças se alimentando.
Nossos amigos da Acorja sempre conosco também para nosso orgulho e honra.
Uma bela apresentação de música paraguaia.
Vibrando de felicidade pelas novas emoções.
Olha que moça bonita tão cheia de graça.
E rolou no final Michel Teló em homenagem aos brasileiros. Tenho que confessar que já estou até gostando dessa música. Toca no mundo todo.
A única frase que me ocorre é uma dose dupla do que há de melhor no Mundo Baleias.
O novo casal recebendo a aprovação da AIMS, através de Paco Borao, seu presidente e de Rodolfo Eichler. Em Equipe de Corrida é assim, apaixonado por maratonas como sou, a benção deveria vir da AIMS.
Uma festa maravilhosa que completa nosso maravilhoso final de semana em Assunção.
Baleias novamente com Adriana, nossa campeã do Maranhão que também é de Belo Horizonte.
O novo amigo Paraguaio, Carlos, que é de uma gentileza incrível e gosta muito do Brasil. E Elaine experimentando as atividades da Coluna Social do Blog. Toda hora convocada para uma foto.
Mais um momento de homenagens de Myrta aos amigos Baleias. Marcelinho Cálix, Wu e eu recebemos palavras de carinho de nossa grande amiga.
Paulo Picanha é celebrado pela incrível jornada de sua recuperação. Ele esteve conosco em Assunção na maratona em 2010 e agora volta, restabelecido, cumprindo com louvor a meia maratona.
Seção Baleias - AIMS. Tietagem escancarada. Tutta com Paco Borao e Rodolfo Eichler.
Wilma Maia que brilhou em sua estreia nas corridas, nos 10 kms e na Equipe Baleias.
As meninas Baleias que também sabem celebrar os grandes da AIMS.
Carlos Toledo que me fez suar na festa de Myrta ao dizer para nossa anfitriã que tinha uma reclamação a fazer. Parei, sofri, gelei, suei, não acreditava que isso iria ocorrer. Silêncio total para ele dizer que a reclamação era por não ter vindo para Assunção desde sexta-feira. Ufa! Passei momentos tensos. 
Encerrada nossa festa na casa de Myrta os heróis da resistência foram para o Lido-Bar, outro ponto Baleias em Assunção. Conhecemos Lourdes, a simpática garçonete que nos atendeu.
No último dia de nossa viagem a Assunção a foto Baleias casual que tem tudo para virar capa do CD Baleias!
Tutta feliz da vida por estar na capa do jornal Última Hora.
E-Zilda também se procurou na foto mas depois fez uma constatação que nos consternou: "se apareceu o Tutta eu devo estar muito longe daí".
Tutta no detalhe à direita.
Uma foto emocionante. Tutta procurou o Paulo Picanha para esta foto pois já tinha ouvido muito falar dele pelos blogs de Gilmar Farias e Júlio Cordeiro e acha sua história muito legal.
Já no aeroporto a preparação para o retorno.
A Gol trocou, sem qualquer custo, as passagens de Elaine e Álvaro na conexão em Guarulhos. Eles sairiam mais tarde de SP para BH. Eu e Álvaro que sofremos na mão da Gol na compra das passagens para Assunção resolvemos perdoá-la e criamos um sistema de bonus para as cias aéreas semelhante às milhas. Concederemos Milhas Baleias positivas e negativas às cias de acordo com os benefícios que nos fizerem. Se receberem Milhas negativas e não tiverem Milhas positivas para compensar, serão punidas.
O finalzinho, no aeroporto. E-Zilda mostra seu troféu.
E comemora com Wald.
Zilda não fica atrás. Tenho a sensação de que tinha outra foto, mas não estou me lembrando.
E-Zilda arrebentando mais uma vez apresenta o seu celular Fashion. Essa Baleia é também uma graça.
O primeiro presente a gente nunca esquece!
Na sala de embarque a turma aproveita o sinal disponível de internet. Dani Alvarenga acessa o blog Baleias com o aparelho adquirido também na Galeria Central.
Numa rodada pela sala de embarque e vejo que Carlos Magno também visita o blog Baleias. Uma explosão de visitas espontâneas.
Flávio, atleta de Brasília, vencedor sul-americano da meia maratona também está ligado ao blog Baleias. Visitas ilustres que muito nos honram. Esse blog é um sucesso sou obrigado, humildemente, a admitir e celebrar.
O retorno para casa.
O Japa que mais uma vez arrebentou.
A campeã Baleias e Wald.
A turma que foi acordada para uma foto. O lema é "vamos ajudar o blog".
Marcelinho, o retorno certo a Assunção em 2013.
Assunção 2013, para comemorar um ano.
O troféu cabia na mala, mas foi onde todos pudessem ver. Esse é o JBS.
A última foto. Já sem os amigos paulistas, a turma de BH entra na fila de embarque.
O fim de uma jornada Baleias é sempre o início de um novo Projeto Baleias. Nos vemos em Foz do Iguaçu em 30 de setembro. Myrta disse que estará lá para nos ver.

Meus amigos Assunção é uma festa. Não são necessárias palavras para dizer mais.

Aguardamos todos lá em 2013. O roteiro está no blog desde 2010 e se for para pegar a festa Baleias por completo tem que chegar na sexta e ir na segunda, senão fica faltando.

Obrigado Myrta pelo final de semana especial. Obrigado Elaine por torná-lo mais especial ainda.

Miguel Delgado, bobinho, bobinho!

25 comentários:

Elaine Pereira disse...

Uffa.....são muitas emoções!

Não tenho o que falar.

Meu coração está FELIZ... SÓ ISSO!

Elaine Pereira... também bobinha!

Toledo disse...

Miguel desculpe o susto e Assunção foi tudo de bom e ano que vem irei na sexta .
Abração.

Ricardo Hoffmann disse...

Que bom ver essa turma toda feliz e fazendo a festa por onde passa. O novo casalzinho Baleias ficou demais! Muitas felicidades a vocês

Gordo, a do estômago alto entra no ranking para as melhores do ano.

Parabéns à Myrta pela organização da melhor festa internacional.

Dom, casmurro por perder mais uma.

elis disse...

abalou geral:)

festa linda de ver, ainda mais quando o amor está no ar, em terra e no mar coral:)

que o mais novo casal Baleias comemore a doce união por muitas e muitas maratonas!
tenho certeza de que Wu vai se conformar por ter de dividir você:)
ri demais com aquela tirada dos casais Baleias: Miguel e Wu, Zilda e Elaine:)

gostoso de ver o bando coral fazendo a festa por onde passa, celebrando e sendo celebrado! Myrta é um amor! e a Maratona do Paraguai é realmente imperdível... não fosse pela minha declaração de amor eterno a Bombinhas e eu firmaria o Pacto Baleias de Assunção:) Mas vamos ver... volúvel como sou, já estou aqui morrendo de inveja de não ter ido :)

parabéns a todos os Baleias que brilharam na Maratona de Assunção, e também aos amigos da Acorja! E-Zilda e Tutta arrebentaram! orgulho dessa turma guerreira!

adoro vocês!!!
Elis, feliz, com sua aura coral cintilando de alegria por seu bando!

saudades dessa turma linda e festeira!

Carlos Henrique disse...

Não deu para ler tudo ainda, mas não poderia deixar de manifestar minha alegria com o novo casal. Me sinto feliz em ter sido um pouco o CUPIDO neste caso de amor. Sejam muito felizes, vocês merecem e se merecem! Grande abraço do amigo que muito admira este casal. Depois volto para comentar sobre corrida...rsrsrs

Sergio disse...

Miguel e demais amigos Baleias,
Pelo visto Assunção foi, uma vez mais, uma festa Baleias!
O relato e as fotos me fizeram voltar no tempo e me lembrar do ano passado, quando entrei para este seleto e animado grupo.
Parabéns a todos que foram!
grande abraço,
Sergio
corredorfeliz

claudioi dundes disse...

É...
Impossível não sentir saudades de Assunción.
Grande festa, tipica Baleias.
Quanta novidade... Carlos estréia na meia. Wu fica sem namorado. Quanta coisa!!!!

Parabéns a todos!!!!



Dalton Ferreira disse...

Miguel, trasmita meu parabens a todos os Baleias que participaram em Assunçao, um local realmente muito gostoso de se correr, boa organização e um povo muito simpatica e hospitaleiro
Dalton

Mari Sereia Baleias disse...

Oi Migaaaaaaaaa!!!!! que delícia de exageros, que delícia sentir sua energia assim.
Assunção é sem dúvida a 2ª sede Baleias, a felicidade lá é fato, Myrta sabe e entende do assunto,
Dizer que Myrta tem o coração Baleias é redudante.
Miguelão tu sabes que te adoramos, te ver feliz e exagerado assim enche nosso coração.
Elaine, você sendo uma Baleia e ter sido escolhida pelo CEO para preencher seu lado esquerdo do peito, já tem nossa simpatia garantida, tu tens uma missão nada difícil: ser e fazer esse gordo que tanto amamos, feliz, pronto.

OPS: outra grande felicidade aqui comigo é ver Paulo Picanha totalmente recuperado e correndo, eita que esse gordo II é outro exagero em pessoa, tb. adoro e sinto um orgulho danado dele.

Para finalizar aproveito esse precioso espaço para dizer a esse mundo laranja que tanto amo: em 01/09/2012 às 20h52, me tornei a avó mais agitada, sonhadora e realizada do mundo, pense numa felicidade, pensou? aqui estou ............

um bjus super emocionado.

Anônimo disse...

Miguelito, você é uma piada! Acho que não preciso de mais nada, estou convencido de que Assunção é o lugar a ser corrido....2013 me aguarde! Cara, uma rua com sua data de aniversário?? Não pode....
A festa foi grande, as fotos e o post não deixam dúvidas: ser Baleias e ser o melhor! Orgulho de vestir o Manto Coral!
Em menor escala honramos o Manto Coral na Praia do Rosa!
Forte abraço!

Felipe de Souto

Dart Araújo disse...

Miguelito tem razão de alguém ler nosso blog e ficar doidinho para ser BALEIAS. Ufffa ainda bem que já sou BALEIAS...Por que esta concorrência só cresce, e depois desta doçura da Myrta ai sim o povo vai ficar doidinho.

Baleias MINHA VIDA!!!!

Vocês simplesmente deram show em Assunção. Foi muito lindo para a gente que vê as fotos imagine para vocês. O amor da Myrta foi simplesmente encantador. Um dia ainda vou correr aí. Só não gostei desta continha aí Miguelitoooo. Doeu nos olhos e no bolso.

Uma pena que vc tenha deixado este livro do aeroporto (brincadeira), mas fiquei muito curiosa em lê-lo.

Abraços de saudades

Ezilda Nogueira disse...

Meu querido Miguelito !! Se tem uma Baleias Feliz e Muito Feliz te digo que sou eu, por fazer parte de tudo isso. Estaremos presentes dentro do possivel porque é muito bom estar junto desta turma que faz as coisas acontecerem de uma maneira muito natural. Obrigada pelas homenagens. Te desejo muitas felicidades neste momento especial que esta vivenciando ainda vamos comemorar muitos anos pela frente com muitas alegrias.
Grande beijo do casal CIZUR BALEIAS

tutta disse...

Eu como sempre nem sei muito o que dizer. Sou 'bom' correndo, escrevendo o negócio muda bastante. kkkkk
Mas, foi tudo muito bom. Estar em Assunção e fazer parte da festa antes, durante e depois da prova foi algo maravilhoso demais e ainda voltar pra casa com um troféu, o meu primeiro fora do Paraná e do Brasil não tem preço.
Só é uma pena que fui premiado como terceiro e após sair a classificação oficial meu nome estava em segundo. Mas, segundo Myrta Doldan (por email) me disse que o troféu correspondente a minha colocação estará sendo encaminhado até o final do mês quando ela estará em Foz do Iguaçu para prestigiar a maratona e o bando Baleias que lá estarão.

Espero voltar em Assunção em 2013 e desta vez correr a maratona. Essa prova paraguaia está meio "entalada" na minha garganta desde o ano passado quando abandonei no km 38 e este ano não pude treinar direito e tive que mudar a inscrição para a meia para não quebrar de novo. rsrs

Quanto a Berlin, meu caro amigo Miguel Delgado, te confesso que o desejo é enorme de estar lá com vocês, mas os custos estão acima de minhas condições, mesmo se começar a pagar desde já.
Até final do mês de dou uma responta mais concreta, ok?

No mais, te desejo muita felicidade ao lado de Elaine e muita saúde para guiar o seu rebanho de Baleias mundo afora.

Abraço e tudo de bom sempre.

PS: manda pra mim a foto que tirei com você e Myrta, ok?


tutta/Baleias/PR
www.correndocorridas.blogspot.com.br

Fábio Namiuti disse...

Que beleza, Miguel! Mais uma bela saga Baleias, ricamente ilustrada, que deu gosto de acompanhar. "Estômago alto". Boa! Mais uma boa desculpa anotada para a minha lista. Abraços e parabéns a todos!!!

BMW disse...

Miguel, sensacional o relato. Parabéns.
Como corri lá em 2010 posso imaginar a festa que foi por aquelas ruas.
Myrta sempre simpática, um dia irei retornar para o El Chaco e arredores.
Ah, 15 de agosto então !? rsrs Preciso também conhecer esta rua, pois comemoramos aniversário na mesma data :)

Abraço e até breve.
Mchel - BMW Runner

GILMAR FARIAS disse...

Miguel,
No país que um dia foi inimigo, agora celebra a maior aliança das corridas de rua do mundo: MIA e BALEIAS.

Achava que o post da Maratona de Tóquio ou da Comrades 2012 tivessem sido os melhores até o momento, mas a energia desse festa junto com a força do amor tornaram esse relato o mais fantástico de todos, uma verdadeira obra de arte.

Meu amigo, já estive aqui várias vezes curtindo essa festa. Mesmo distante, senti o entrosamento que existe entre BALEIAS e a MIA. Com a Myrta sempre generosa e atenciosa com vocês, o convite para voltar todos os anos fica renovado automaticamente.

Fico torcendo para que todos os projetos de corridas BALEIAS preencham os nossos corações com a alegria e com belíssimos relatos.

Miguel Bobinho BALEIAS, bom feriadão em Juiz de Fora.
Abração!
Gilmar, o seu amigo e admirador.

Mayumi disse...

Fala, Miguelito! Que linda festa! Este ano não deu para ir, mas ainda pretendo voltar lá! É muito legal! E o trânsito da maratona? Fecharam todas as ruas? Só disso que morri de medo, pois um carro quase, quase me pegou! Do resto, estava tudo muito bom! Myrta é sensacional!

Carlos Magno da Silva Guerra disse...

Caro Miguel,
Passeio com vc e amigos baleias é sempre sinônimo de muita festa. Suas palavras gentis (deve ser por causa do amor. rsrs) sempre me animam muito. Quem sabe agora eu emplaco mesmo? A Meire diz que sou corredor do Paraguay. rsrsrs. Dizer que fiz a meia é realmente uma piada. Mas vamos consertar isso.
O Passeio em Asuncion foi demais. A Myrta sempre gentil e merece todo o nosso respeito. Já estou com saudades. Agora é Foz. Quem vai ser o motorista da rodada? rsrs.

Bjs a todos, nos encontramos em Foz. go ahead.

Eng. João R. Oneda disse...

Grande Miguel, show de bola a festa Baleias em Assunção... Eu finalmente corri minha primeira meia hoje em Punta del Este... já esta na minha agenda participar da Meia ou Maratona em Assunção no ano que vem para encontra-los por lá!!!

Abraço!

Ivo Cantor corre e conta disse...

Sensacional! parabéns a todos os amigos Baleias!

Sandra costa pinto disse...

ADORO BALEIAS TENHO QUE VESTIR O MANTO CORAL COMO FAÇO ???? MIL BJOS.

Sandra costa pinto disse...

MINHA ALMA JÁ É BALEIAS!!!

Sandra costa pinto disse...

VIVA O BALEIAS ,JÁ ESTOU INCORPORANDO O JBS.FELIZ DA VIDA MEU CORAÇÃO É CORAL.

Toledo disse...

Valeu Sandra sejas bem vinda..
toledeo

ALEX disse...

Delgado, parabéns pela Conrades2012!!! Vc pode me enviar a planilha que usou e a da Marinês também??? Grato