MAIS PÁGINAS BALEIAS!

segunda-feira, 12 de julho de 2010

MADRUGADA BALEIAS NIPO EX-SEDENTÁRIA EM SÃO PAULO - QUANDO A AMIZADE SUPEROU O SONO!

Caros amigos e caras amigas que acompanham a jornada Baleias pelo universo. 

Na madrugada de sexta, 09, para sábado, 10, de julho, quando eu e Wu cumpríamos nossa jornada  rumo a  Quito, capital do Equador, para experimentar uma maratona a 2.800 metros de altitude, fomos brindados por momentos de grande gentileza dos amigos paulistanos Ênio Akio Yuhara, conhecido como o que há de melhor em Baleias, Carlos Hideaki Fujinaga, Viajante total,  ícone do mundo ultramaratonista, líder dos Marathon Maniacs brasileiros e a grande novidade do circuito de amizades Baleias e grata descoberta do mundo gordo, Cláudio Dundes, do blog Ex-sedentário, amigo de afinidades imensas que se eu fosse seguidor de Kardec diria que fomos muito amigos na outra vida.

Antes de continuar tenho que me penitenciar do erro de informação que fez com que Cláudio Dundes fosse ao aeroporto na quinta-feira à noite. Quando percebi o erro consegui informar Hideaki e Ênio mas Cláudio estava sem seu celular e não foi possível avisá-lo do meu erro de informação.

Conversando no dia seguinte para pedir desculpas ele disse que não me perdoaria, mas que suspenderia os efeitos do "não perdão" para poder encontrar conosco no aeroporto na sexta. Gordo sempre tem bom coração, é fato.

Eu e Wu chegamos ao aeroporto de Congonhas, depois de dois meses sem qualquer voo, às 21.30  hs e fomos recebidos pelos amigos com uma plaquinha. Os amigos já sabiam do meu sonho de chegar e ter uma plaquinha me esperando. Foi a primeira vez que isso aconteceu. Extasiei-me.
Depois de um início de conversa Hideaki nos levou para jantar no restaurante Charles, onde já havia levado Júlio Cordeiro no final de semana da maratona de São Paulo. Todos sabem que também gostamos de seguir os passos do grande Maratonista Pernambucano.
O jantar foi uma festa e durante o festival gastronômico uma parada para entregar solenemente um exemplar do Manto Coral para o amigo Cláudio Dundes. Naquela mesa todos possuiam tal honraria.
Pensamos em nos despedir dos amigos e seguir para Guarulhos onde o voo da TACA às 06.25 horas nos esperava. Mas qual não é nossa surpresa que os amigos, além de não nos deixar pagar nada no jantar, ainda informaram que iriam nos levar até o destino final em solo.

Com uma troca de carro a jato na madrugada de São Paulo seguimos todos no carro do Ênio para Guarulhos. Mais uma vez despedi da turma, mas eles desceram e foram para o saguão do aeroporto nos acompanhar. A barreira da meia noite já havia sido superada. Não havia abóboras alí.
Chegamos a Guarulhos e os amigos não arredaram o pé.
Tomamos café no balcão e a conversa não parava. Eu, Hideaki e Cláudio falávamos sem parar. Ênio e Wu ouviam mais, embora atentamente, do que falavam.
Depois disso ocupamos uma mesa e fomos visitar o blog Baleias e Ex-sedentário, continuando a falar somente do que mais nos interessa, as corridas. A foto acima é uma demonstração de desprendimento do Cláudio que deixou de sair para fotografar. Só agora me ocorreu que no computador, na tela, deveria estar o blog Ex-sedentário, seria mais simpático, mas falhou...

Maratonas e ultramaratonas ocuparam a maior parte do tempo. Cláudio Dundes reafirmou seu compromisso de estar na largada da Maratona de Curitiba em novembro. 

Falamos também de Alecão de quem acompanhamos a evolução nas corridas e no enxugamento da máquina.

Wu, que vinha de uma noite acordado, trabalhando, não resistiu e estabeleceu conversa particular com Morfeu. Em nome da equipe pedi desculpas aos amigos por aquele constrangimento.
Os amigos ficaram conosco até próximo de 06 da manhã quando adentramos na sala de embarque.

Foi uma madrugada excepcional. Los três amigos foram pródigos em gentileza e atenção. Embora "clichê" como diz meu amigo Hideaki, sou obrigado a repetir: as amizades que as corridas proporcionam são tão fenomenais quanto os 42 kms percorridos.

Diante daquele início de jornada para a Maratona de Quito pensei que nada poderia dar errado, nem a altitude poderia superar a atitude dos amigos que marcaram o começo.

Eu e Wu agradecemos muito aos amigos por nos proporcionar a melhor espera num aeroporto que já tivemos em nossa vida de corredores e turistas. E prometemos tudo fazer para ter melhores horários de voos.

Sobre a Maratona de Quito informo aos amigos que corremos e sobrevivemos. Adianto ainda para delírio dos fãs que Miguel Delgado se deu melhor na altitude que seu oponente permanente Wu Arantes.

Aguardem mais uns dias que tudo estará muito bem registrado nesse espaço de celebração das corridas.

Um grande abraço a todos e mais um vez muito obrigado ao Ênio, Hideaki e Cláudio Dundes, amigos valorosos que indicam que o mundo tem saída. Há esperança.

Miguel Delgado, o primeiro brasileiro na Maratona de Quito.

8 comentários:

BLOGUEIRO EXECUTIVO disse...

Olá gostei do seu blog e inclui seu link em uma lista de links do meu blog: MENU CHAMADO LINHA DE CHEGADA, TAMBÉM SOU CORREDOR E FOI NO MEU BLOG DE CORRIDA QUE FIZ ESTA ADIÇÃO, VISITE:

http://laeelc.blogspot.com/

Claudio Dundes disse...

Mas não é só:

O encontro teve de ser interrompido porque o vôo partia. Entretanto, o encontro se alongou ainda mais. 07:30 horas de sábado, ainda estávamos numa padaria próxima da casa do Hideaki, com direito a desafio (ainda bem que não passou de 1) que só o Miguel poderia narrar tão bem. Até que peguei o carro na garagem do Enio e cheguei em casa o relógio já marcava 09:00 horas.


Bem. Como o Miguel já disse, temos muitas coisas em comum. Amizade descomunal, que só fez se abrir para nossos olhos.

Mas se o leitor que aqui vier por um descuido e, por um acaso, não tiver uma primeira boa impressão do Miguel Delgado, esteja preparado para mudar de opinião quando encontrá-lo pessoalmente. E se este mesmo Leitor for do tipo que não dá o braço a torcer, melhor desviar o caminho, porque seu coração vai se arrefecer, não ouse duvidar. O Miguel Delgado é a autenticidade em pessoa. Diz, com o coração, o que pensa e o que quer da vida e das pessoas de um modo que é impossível não se sentir contaminado até as entranhas.

O Wu trás em seu jeito reservado, uma história de amizade tal e qual a que mantenho com o Alecão. Simplesmente sensacional.


É isso!

satrijoe disse...

Amizade boêmia essa hein! rs Parecia teste de resistência...

Ou o pessoal de Sampa queria ter certeza que os Baleias Mineiros não iam perder o voo de jeito nenhum! kkkk

Aguardamos o relato da maratona nas alturas.

Abs,
Shigueo

Dani disse...

Mas que bela noitada hein?! Garanto que foi uma noitada recheada de muitas conversar sobre corridas...adorooo isso!!! Parabéns ao Claudião que recebeu um manto coral da Equipe Baleias.
Bjos,
Dani

Carlos Henrique (Baleia piaba) disse...

Somente algumas poucas palavras para reforçar o que o Claudio Dundes disse:
Quem não estiver preparado para conviver com uma pessoa super verdadeira e também conhecer o que é uma solida amizade é melhor se desviar do caminho de meus idolos, o Baleia Mor MIGUEL DELGADO e seu inseparavel amigo WU ARANTES.
Como sempre digo, é estimulante fazer parte desta equipe!!!

"G" disse...

GOSTARIA DE POSTAR UM NOTÍCIA NO SEU SITE.


grato


Título: Big Bang Digital cria site para Equipe Winners

A Big Bang Digital desenvolveu o novo portal da Equipe Winners. A Equipe existe desde 2009 ao comando do professor e treinador físico Átila de Conti. A idéia do site é gerar uma interação e relacionamento com seu grupo de atletas, tendo como foco principal o aperfeiçoamento diário de cada integrante. A partir do portal o aluno poderá informar-se de competições e através de seu login pessoal qual o treinamento mais adequado para ser um capeão.
A BBD também criou o Gerenciador de Conteúdo BBD CMS para que o conteúdo do site seja atualizado de maneira dinâmica.
O portal pode ser considerado o mais completo de grupo de corrida do sul do Brasil. Acesse www.bigbangdigital.com.br e saiba mais, ou então www.equipewinners.com.br e confira o resultado.
A criação é de André Guazzelli e de Jonathan Kazlauckas.

ana dundes disse...

Eu sempre disse pro meu amado maninho que um blog aproxima os afins. Fiquei feliz de ver o sorriso no rosto do meu querido e amado maninho.

Um beijão pros baleias.

Ana ( irmã do Claudião)

Anônimo disse...

Miguel, Parabéns pelo desempenho e pelo relato. Estamos aguardando mais notícias do Equador, cuja capital continua sendo Quito. Foi sempre essa cidade. Nunca mudou.

Inveja saudável de vc, q estará alinhado na largada do Rio, para a mais bela maratona brasileira.

Agora, Fortaleza poderá concorrer. Em outubro está confirmado: 42k de Cumbuco À capital cearense.

Ocasião de os Baleias por aqui aparecerem.

Abração!